1 de ago de 2009

:: Diferenças em si ::

Às vezes a gente se olha no espelho e vê uma outra pessoa. É estranho, mas interessante quando nos olhando é que percebemos que estamos em transformação, que desejos antigos ficam para trás, que algumas coisas perdem o sentido, mesmo parecendo ainda de grande importância. Às vezes nos olhamos por fora e como num estalar de dedos enxergamos de verdade o que somos "no agora" por dentro e não reconhecemos nosso eu antigo. É significante se olhar de verdade, se olhar como se estivesse fora das situações - como se tivesse acabado de ir ao oculista e descobrir que enxergava embaçado por um altíssimo grau de miopia. É enigmático mudar, dá um medo tremendo, mas é como saltar de asadelta pela primeira vez - olhos fechados e apertados, força nos punhos e músculos rígidos como se protegesse do pior e depois, aos poucos, o vento no rosto te mostra como é delicioso voar ao invés do costumeiro andar, como é seguro e suntuoso abrir os olhos e enfrentar outra forma de vida ou a mesma vida com engrenagem diferente, com suspiros novos, sem a carga líquida incômoda nos olhos....

Iê...

"Somos todos retalhos de uma textura disforme e diversa que cada pedaço, a cada momento faz seu jogo. E existem diferenças entre nós e nós próprios como entre nós e os outros." ( Michel de Montaigne - Ensaios - Segundo Volume, I)

"Cada um de nós é vários, é muitos, é uma prolixidade de si mesmos. Por isso aquele que despreza o ambiente não é o mesmo que dele se alegra ou padece. Na vasta colônia do nosso ser há gente de muitas espécies, pensando e sentido diferentemente." (Fernando Pessoa - Livro do Desassossego - anotações de 30/12/1932)

6 comentários:

Amanda Proetti disse...

Fórmula divina!

Montanha disse...

Sensacional - Otimo texto......

Fernanda disse...

Fiquei encantada c o seu texto e sua forma de escrever!
Parabens!

Filomenas disse...

Concordo com a mandy...fórmula MARA!

Rodriguez disse...

"Cada um de nós é vários, é muitos, é uma prolixidade de si mesmos".

Andreia disse...

Maravilha de texto! Amei!!!
Beijinhos para ti querida...