4 de fev de 2009

:: Até logo "bel far niente"* ::

*Até logo "beleza da arte de não fazer nada"

A férias começaram conturbadas, meio sem saber o que fazer com as horas livres, já que estava em completo estado de "estresse", cansaço puro corria pelas veias, e me sentia ainda atolada em meios a papéis diversos. Comecei então pelo óbvio, rasguei papéis... A cada papel rasgado, um suspiro! Ufa, como é delicioso rasgar papéis e levá-los até a lixeira de recicláveis. Como é gostoso ver espaço na estante, nas gavetas, deixar o escritório organizadinho e faze-lo um lugar para o lazer por uns dias. Como é bonito ver tudo arrumado e continuar assim por 30 dias. Pronto, peso jogado no lixo junto com a inutilidade de papéis que acumulamos durante um ano... Decisão tomada: eu não vou me sentir culpada pelo meu ócio; eu não vou me sentir futil por aproveitar a vida sem me preocupar com coisas muito sérias (salvo as contas de início de ano! rs). Eu quero jogar tudo para o alto e aproveitar!!!! Aprender a curtir cada minuto da minha vida sem cobrança seja lá de quem for, só eu no comando. Como a vida é bela, como ela pode ser mais bela ainda nas férias!! Aproveitei, não da melhor forma, mas fiz tudo o que queria na hora que queria... e ensinei a mim mesma como aproveitar mais ainda minha bel far niente. E colocarei o aprendizado em prática nas próximas férias... Resumindo, como é bom não fazer nada e depois descansar.

Bem, mas como esses lindos momentos não duram para sempre, dia 9 estarei de volta ao batente. E como vida de professora, seja universitária ou não, não começa no primeiro dia de aula, já estou de volta aos meus papéis, aos meus planos, aos meus arquivos. Mas... quanto tempo falta para Julho? hahaha Brincadeirinha! Estou pronta para mais um ano atolada em papéis... só espero que seja com menos estresse saindo pelos meus poros. Bem, desejo um ano poderoso, mas light!
E lá vou eu...


Iê...

Momento neura do meu fim de férias... "Ah!!!! vou ter que acordar cedo! Ah!!! não vou ter minhas noites de dias úteis livres! Momento desneura... Ah!!! é muito ruim ser inútil por mais de 30 dias! Ah!!! vc gosta de trabalhar também, eu sei... É, gosto sim... o pior é que eu gosto. Só levarei dois dias para me acostumar de novo. Prometo! rsrs

Obs.: Mudei a foto! rs Achei melhor não reconhecerem o local! Desculpinhas para quem já tinha comentado sobre ela e ficou sem sentido o comentário!! rs

8 comentários:

R.Vinicius disse...

A senhorita está na profissão que deveria ser mais valorizada no Mundo! As férias terminam, mas logo volta tudo ao normal, nos trilhos e muito melhor que o ano passado. Leu algum livro durante as férias? Me endica algum?

Abraço,

R.Vinicius

Michelle Ribeiro disse...

Agora só sobraram os finais de semana...:(

Juliano Sanches disse...

Olá minha cara tudo bem.

O trabalho tem seus vários lados, assim como nós. Temos as nossas sombras, as nossas luzes. Mas, algo é certo na vida: Não conseguimos cortar definitivamente as sombras ou as luzes. É preciso aceitá-las, ou seja, conviver com as vantagens e desvantagens de ser o que é, de fazer o que faz e de estar onde está. Nessa semana, eu também dediquei um espaço do blog ao tema trabalho. Só que de uma maneira diferente. O meu objetivo foi falar do trabalho braçal dos coletores de lixo. Eu acompanhei alguns coletores e aprendi muito com eles. Fiz algumas fotos. São pessoas ótimas, conhecedoras, como ninguém, das ruas das cidades.

Dê uma olhada, quando puder.

http://casadojulianosanches.blogspot.com/

Um grande abraço.

Amanda Proetti disse...

Ahaaa... e vc sabe o qto precisamos de vc... opss... não sou mais aluna!!! Haaaaaaaaaaaaaaaaaa!!! Q triste... ops... ahaaa... mas agora sou amiga... ainda bem!!! rs
Amei o texto... como sempre!
PS.: Só não gostei da foto em q não me encontro enquadrada... e é óbvio q eu estava lá... afinal eu nunca faltei nas suas aulas!!! rsrsrs
Bjok

pedro dias disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Andréia Félix disse...

É, vamos lá... de volta ao batente hehe

Bjão!

Iêda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Iêda disse...

Obrigada pelos comentários....
Pedro, apaguei seu comentário pois tinha o nome da instituição onde trabalho. Embora a maioria dos meu leitores saibam, prefiro que não fique tão aparente. Desculpa. Já respondi lá no seu blog, ok? bjo